Agosto Dourado semana de amamentação lembra a importância do aleitamento materno.
Ação acontece de 1º a 7 de agosto, em Coronel Fabriciano. Na quarta-feira, 3 de agosto, será realizado um Dia D com ações diversas sobre o tema.

Por Fran Ribeiro, g1 Vales de Minas Gerais.

Aleitamento materno é essencial para evitar mortes nos primeiros anos de vida — Foto:  Pixabay/Divulgação/Arquivo g1

Aleitamento materno é essencial para evitar mortes nos primeiros anos de vida — Foto: Pixabay/Divulgação/Arquivo g1.

A Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança da Saúde, promove entre os dias 1º a 7 de agosto, a Semana da Amamentação em comemoração ao Agosto Dourado, campanha de incentivo ao aleitamento materno.

Na quarta-feira, 3 de agosto, será realizado um Dia D com ações diversas sobre o tema.

As unidades de saúde foram decoradas com laços dourados, cartazes, enfeites e objetos que lembram o tema da campanha.

As mamães e futuras mamães que se interessarem poderão participar de palestras com nutricionistas e enfermeiras da Secretaria de Governança da Saúde sobre a importância do leite materno nos primeiros anos de vida da criança.

Alguns profissionais da secretaria foram capacitados por um programa federal chamado EAAB – Estratégia amamenta e alimenta Brasil: formação de tutores.

A formação traz novas recomendações baseadas no Guia Alimentar para Crianças Brasileiras Menores de dois anos.

ALEITAMENTO É VIDA

O aleitamento materno é o melhor alimento que os recém-nascidos podem receber até os dois anos de vida. Nos primeiros seis meses é recomendável, inclusive, que o leite da mãe seja o único alimento

O leite da mamãe tem tudo que o bebê precisa, inclusive água e é capaz de reduzir em 13% a mortalidade por causas evitáveis em crianças de até cinco anos. O leite também protege a criança de doenças como diarreia, infecções respiratórias e alergias. Pode reduzir o risco de hipertensão arterial, colesterol alto, diabetes e obesidade.